Telefone: (11)4122-1223
Consultoria de Gestão   Consultoria de Gestão
Consultoria de GestãoMapa do SiteTwitter - Gemir CassanConsultoria de Gestão
Publicações  Publicações
  Atendimento
  Administrao do Tempo
  Artigos
  Comunicao
  Para Pensar
  Histrias Comerciais
  Palestras Gratuitas
  Trabalho em Equipe
  Anote e Divulgue
  Multidicas
  Responsabilidade Socioambiental
Banner - Lançamentos
SIG - Sistema Integrado de Gestão Breve Lançamento
Banner - Lançamentos
Publicaes - Histrias Comerciais  Publicaes - Histrias Comerciais
"COMO NO APREENDER COM UMA EQUIPE CAMPE".
Aps dez anos de aprendizado nas reas administrativas e operacionais junto s indstrias, resolvemos aceitar um novo desafio, agora na rea comercial. Tratava-se de um novo empreendimento, pois a regio do grande ABCD se desenvolvia rapidamente e era chegado o momento de ser lanado um Guia de Ruas e Mapas.

Em nosso primeiro dia de trabalho fomos apresentados para a equipe de Agenciadores de Propaganda que imediatamente se colocaram a disposio para ajudar no que fosse possvel, pois tinham a sua frente um iniciante que apenas tinha facilidade em se relacionar, porm no entendia nada de comercializaes de espaos num guia.

Os novos colegas eram falantes, muito bem vestidos e possuam na sua maioria carros de ultimo tipo. E l estava Eu com o meu Fusca 59 cinza, bem cuidado, mas que no chegava perto dos demais carros do ano 67.

Acompanhamos em algumas visitas os chamados profissionais de vendas e logo comeamos a perceber que todos haviam pertencido mesma escola e falavam a mesma lngua. O negocio deles era vender, porm no se tratava de uma venda para que o cliente ficasse fidelizado, era uma venda forada, malhada e que o cliente se quer tinha tempo para pensar no que estava comprando. E a cada contrato firmado, aps deixarem os clientes, saiam se vangloriando de como haviam feito o cliente assinar, alm claro de sarem com o valor da entrada recebida (comisso de 20% sobre o total do pedido).

No primeiro trimestre era de se esperar que os grandes profissionais fechassem muitos contratos, porm a maioria ocorria inmeros problemas com o preenchimento, os valores, as parcelas, os tamanhos de espaos vendidos, entrada recebida, enfim s "retrabalho", que o pessoal da administrao tinha que retornar para fazer as correes. Enquanto que os meus contratos no eram muitos, porm todos estavam corretos e os clientes estavam conscientes da compra realizada. E aos poucos comecei a despontar na classificao mensal entre os quatro melhor colocado em vendas, pois alm de uma venda bem feita os clientes tornaram-se amigos e parceiros e melhor ainda nos indicavam para outros clientes.

No final de oito meses a grande maioria dos "grandes profissionais", j no estava mais na empresa e a cada vez que um deixava a empresa, Eu perguntava o porqu da sada? E as respostas eram bem surpreendentes: " muita burocracia", "no sou homem de visitar o mesmo cliente duas vezes", "o meu negocio vender, receber a minha comisso e o restante no so comigo", "no tenho qualquer interesse em ser amigo de qualquer cliente, no preciso deles, sou de outro nvel".

No dcimo ms no porque, queramos, mas acabamos gerenciando os sistemas e processos administrativos e comerciais do empreendimento e a nossa misso era fazer com que o guia realmente fosse impresso e colocado na regio. Uma vez que s sobraram um dos tais profissionais e o pessoal de criao e era chegado o momento de uma equipe operacional para a finalizao do empreendimento. E assim em 1968 conseguimos editar 30.000 exemplares, quando o prometido seria 15.000, cada cliente recebeu cinco exemplares gratuitamente e em 60 dias a edio foi esgotada. Recebemos meno honrosa das Prefeituras dos Municpios como bons servios comunitrios e ainda hoje continuamos fazendo trabalhos de Consultoria de Gesto para os filhos e parentes daqueles meus antigos clientes e at de alguns que foram daquela equipe.

H cinco anos atrs encontrei alguns dos grandes profissionais daquela equipe e pude constatar como estavam; desempregados h um bom tempo, no estavam bem vestidos, seus carros eram comuns e dois deles no mais possuam sequer uma conduo. Todos estavam sem suas famlias, sem qualquer condio financeira e procurando culpados para aquela situao. Apenas um deles havia se tornado Pastor de uma igreja evanglica numa das vilas da periferia da grande So Paulo, que lembrava e comentava; "Bons tempos queles que gente conseguia vender o que quisesse e j saia com a grana no bolso". Hoje Eu mal consigo alguns poucos dzimos na minha igreja.

Historias Comerciais MORAL DA HISTRIA:
Aquela equipe campe no conseguiu me ensinar que o importante PARECER, pois Eu j havia aprendido em outras empresas que o mais importante na vida SER, ou seja, na vida o contedo para sempre e a embalagem simplesmente passa.

* - experincias vividas entre 1967/1968.
Publicidade  Publicidade
Consultoria de Gesto xito IT Solution   HTML / CSS Valid So Paulo - SP - Fax: (011)4122-1223 - Copyright 2009 Gemir Cassan - Consultoria de Gesto. Todos os direitos reservados. Consultoria de Gesto